gallery/barata
gallery/bed bug
gallery/formiga
gallery/mosca
gallery/mosquito
gallery/ratos
gallery/pulga
gallery/caruncho
gallery/pombo
gallery/pragas-aranhas
gallery/processionária_2
gallery/silverfish
gallery/termita-10
gallery/termitas
gallery/traças
gallery/vespas

As Baratas são uma praga bastante desagradável e de alto risco para a saúde em habitações. Sendo maioritariamente atraídas por alimentos, estes animais reproduzem-se muito rapidamente, podendo originar apenas num ano cerca de 2 milhões de baratas.

As Baratas produzem odores e secreções que podem afetar a qualidade e sabor dos alimentos, transmitindo doenças perigosas como salmonelas, gastroenterite, febre tifóide, alergias e doenças digestivas (vómitos, disenteria, entre outras), tornando-se ainda mais preocupante em casas onde existam crianças, idosos ou pessoas doentes.

A presença de Baratas na sua casa pode detetar-se caso identifique alguns destes aspectos:

Invólucros de ovos e de mudança de pele

Excrementos – com cerca de 1mm de largura mas com diversos comprimentos

Odor desagradável

Danos – tanto em embalagens de alimentos, como em livros ou tecidos

 

Sendo animais noturnos, é mais comum encontrá-las ao acender a luz das divisões durante a noite.

Os Ratos são uma praga que causa diversos prejuízos, uma vez que contaminam os alimentos através de excrementos e destroem roupa, móveis, papéis ou mesmo cabos elétricos, podendo provocar incêndios.

Esta praga representa também um grave problema para a saúde do Homem, pela sua capacidade de transmissão de doenças como a malária, salmonelas, cólera, febre tifóide, asma ou outras reações alérgicas.

Os Ratos são também portadores de parasitas (pulgas, ácaros e piolhos).

Encontrar sinais de presença de ratos na sua casa pode auxiliar numa rápida intervenção:

Odor característico – semelhante a amoníaco

Encontrar ratos durante o dia – indica a presença de uma grande infestação, uma vez que são animais noturnos

Pegadas

Ninhos – comuns em sotãos, tetos falsos, paredes duplas, atrás ou debaixo de eletrodomésticos e armários

Ruídos – causados pelas unhas, principalmente durante a noite

Pilares de urina – a urina combinada com sujidade, pode formar pequenas protuberâncias até 4cm de altura

Manchas – provocadas quando os ratos se roçam nas superfícies

Excrementos – fragmentos escuros e pequenos, normalmente junto de paredes, armários ou lavatórios

Percevejo é um animal noturno e alimenta-se de sangue humano, tendo a capacidade de depositar 200 a 500 ovos em 2 meses. O seu controlo imediato é muito importante de maneira a impedir a proliferação.

O principal local de ação do Percevejo é a cama e zona circundante mas caso a infestação se alastre sem tratamento, este desloca-se para diferentes locais como tomadas, quadros, mobília, cabeceiras de camas, debaixo de carpetes, entre outros. A sua presença pode ser identificada por manchas de sangue em materiais de cor clara, como as paredes, lençóis ou cortinados.

As fendas da madeira, em rodapés ou móveis, são as zonas de eleição para depositarem os ovos e para se esconderem durante o dia.

A presença duma infestação de Percevejos pode traduzir-se por presença de:

Odor – doce mas enjoativo

Manchas de sangue

Excrementos – pequenas manchas pretas sobre o colchão ou área circundante

Pulga é um inseto sem asas, geralmente com um tamanho entre 2 a 3 mm de comprimento e de cor castanha ou vermelha.

Os ovos das Pulgas são muito pequenos, cerca de 0,5mm, sendo quase impossível de os encontrar. Uma fêmea pode originar até 2000 ovos no seu ciclo de vida e é capaz de depositar entre 25 a 40 por dia.

As Pulgas adultas alimentam-se do sangue de mamíferos e de aves, enquanto as larvas se alimentam de fezes das pulgas adultas e material orgânico, existente em tapetes ou roupas.

Os casulos das Pulgas podem manter-se em incubação durante 2 anos ou mais, sendo despertados pelas vibrações provocadas pelas pessoas, daí ser mais usual encontrá-las em casas habitadas.

Esta praga é um problema comum, principalmente onde existem cães e gatos.

Pode procurar alguns sinais em específico que indiquem a presença duma infestação de Pulgas na sua casa:

Excrementos – na cama dos animais, carpetes ou tapetes

Analisar o pêlo do seu animal – as pulgas costumam depositar excrementos semelhantes a um pó preto, fácil de identificar com o pente para pulgas

Presença de pontos vermelhos ou castanhos (pulgas) a andar no pêlo do seu animal

Caruncho, Bicho da Madeira ou Gorgulho é o nome dado aos insetos que furam a madeira, cereais e feijão armazenado, sendo a madeira o seu principal alimento.

O seu ciclo de vida inclui 4 fases de desenvolvimento: ovo, larva, pupa e adulto. Quando é adulto, o Bicho da Madeira coloca os ovos em fissuras na madeira, onde permanecem até eclodir para larvas, começando depois a destruí-la. Torna-se então difícil de os visualizar uma vez que iniciam, desde cedo, a escavação do túnel dentro da madeira, alimentando-se durante vários anos. Quando as larvas estão a evoluir para pupa, tendem a escavar em direção à superfície para depois se transformarem em adultos.

Os Bicho da Madeira preferem diferentes tipos de madeira, o que auxilia na identificação da espécie.

Existem alguns sinais que lhe indicam a presença de uma infestação:

Larvas – de cor clara e curvas

Ovos – difíceis de visualizar devido à sua reduzida dimensão

Insectos Adultos – emergem à superfície entre Abril e Setembro

Insetos Mortos – perto de madeira infetada

Madeira a desfazer-se

Pavimentos danificados e com risco de ceder

Pó – causado pela perfuração do Bicho da Madeira

Túneis ou furos na madeira

Peixinho-de-Prata é um inseto muito comum em todas as casas. Caracteriza-se pelo seu corpo oval, em forma de lágrima, sem asas e achatado, com cerca de 12-20mm. Pode apresentar uma cor branca, castanho-acinzentada, azul ou prateada, com escamas minúsculas.

Os seus movimentos assemelham-se aos de um peixe, daí a origem do seu nome. São nocturnos e movimentam-se muito rapidamente.

Estes insetos deixam pequenos orifícios no que mordem e podem manchar os materiais. Podem ainda provocar variados danos em livros, fotografias, estuque, pinturas e outro objetos que contenham amido ou celulose.

O seu habitat favorável inclui locais escuros e com elevada humidade (75% a 95%), como caves, sótãos, cozinhas ou casas de banho.

Como a maioria das Espécies de Formigas preferem climas quentes, o nosso ambiente é perfeito para as Formigas prosperarem. As Formigas são omnipresentes. Existem cerca de 15.000 espécies e subespécies no Mundo, sendo que as formigas mais comuns são as seguintes:

Formiga Argentina - Formiga de Jardim

Formiga Fantasma - Formiga dos Pavimentos

Formiga Faraó - Formiga do Fogo

As Formigas podem tornar-se num incómodo, em particular quando entram na sua Casa. O problema é que não sabemos por onde andaram para se alimentar, e como tal, não as queremos a passear nos nossos armários onde temos os nossos alimentos guardados. As Formigas viajam bastante na sua demanda por alimento, seguindo em grupo pelos trilhos que criaram em torno da fonte de alimento, tornando-se um incómodo em Residências e Empresas. Pequenos montes de terra à volta de furos no solo e na base das paredes exteriores indicam a sua origem. 

Detecte os locais por onde elas entram e vede o seu ponto de entrada 

Limpe quaisquer resíduos gordurosos em bancadas, porque as Formigas são atraídas pelos mesmos 

Sele bem todos os produtos e alimentos que tenha armazenados 

As Térmitas são Pragas extremamente prejudiciais para ter na sua Casa ou Empresa, pois alimentam-se de madeira e materiais compostos por celulose. 

O facto de ter Térmitas na sua Casa pode fazer com que o seu preço desvalorize em cerca de 25%. 

As Térmitas podem causar extensos danos à estrutura de um edifício caso não sejam controladas por Profissionais devidamente qualificados. 

Todas as regiões de Portugal estão em risco. Áreas densamente povoadas enfrentam um risco maior de Infestação de Térmitas devido à grande concentração de edifícios.

Existem mais de 35.000 Espécies de Aranhas no Mundo que podem ser uma perturbação no lar. Elas são atraídas para o calor, espaços pequenos e escuros, tais como fendas na parede, os cantos de paredes, as entradas de ar, e os beirais da sua Casa. Existem, no entanto, outras Espécies de Aranhas que preferem ficar mais perto do exterior, tecendo as suas teias no seu jardim ou perto da sua iluminação exterior. A maioria das Aranhas são um incómodo, principalmente devido às suas teias.

Todos sabem o quão irritantes - e dolorosos - os Mosquitos podem ser. Não interessa quantos vai conseguir apanhar, existem sempre alguns que vão escapar e conseguir dar-lhe uma ou duas picadas que lhe vão provocar uma comichão desagradável. 

Seguem-se alguns factos que poderá querer conhecer sobre estes pequenos Insectos tão desagradáveis. 

Eles podem evoluir de ovos a adultos em apenas seis a dez dias. 

Eles são encontrados perto de águas paradas, onde as suas larvas se alimentam e se desenvolvem. 

Eles parecem ser atraídos para cores brilhantes. 

Os Mosquitos, normalmente, vão picá-lo ao amanhecer ou ao anoitecer - ou se você for azarado, em ambos. São as alturas do dia em que os seus relógios biológicos lhes dizem que é a hora de se alimentarem. 

As Vespas podem ser confundidas com as Abelhas, em especial com as Abelhas produtoras de mel - no entanto, estas variam em cor do castanho dourado ao quase preto e têm muito mais pêlo do que as Vespas. 

Apenas as Vespas fêmeas têm um veneno que podem usar várias vezes, quando se sentem ameaçadas. Na maioria dos casos, o veneno da Vespa não causa danos a longo prazo, mas pode ser fatal se for alérgico a picadas. Tratar de um ninho de Vespas é, muitas vezes, a forma mais eficiente de eliminar Vespas e reduzir o risco de picadas. 

As Vespas podem construir ninhos ao ar livre, sob beirais ou, se tiverem acesso, podem encontrar áreas protegidas dentro da sua Casa, tais como cavidades nas paredes, no tecto ou em sotãos. Se o ninho for descoberto, não deve tentar livrar-se dele você mesmo. Saiba mais sobre os nossos serviços de remoção de ninhos de Vespas.

Algumas espécies de Aves são um verdadeiro incómodo para as Empresas. A maioria das Pragas de Aves entram nas instalações através de zonas de cargas e descargas ou dos telhados. Elas são conhecidas por: 

Causar danos à propriedade ao deslocar e estragar telhas, bloquear caleiras, construir ninhos e deixar dejectos que corroem os materiais de construção das instalações. 

Serem agressivas e atacarem pessoas, especialmente durante a época de reprodução quando sentem que os seus ninhos estão a ser ameaçados. 

Serem portadoras de Pulgas, Ácaros, Carraças, Piolhos e outros Insectos picadores que podem transmitir doenças e que representam um sério risco para a saúde.

Adoptar medidas de Controlo de Aves atempadamente irá garantir que o seu negócio está protegido contra os riscos associados a Pragas de Aves. 

A Processionária do Pinheiro é originária do Sul e Centro da Europa. Nos últimos anos, esta Praga espalhou-se para o Norte da Europa, possivelmente devido às alterações climatéricas. 

A característica principal da Processionária do Pinheiro é que esta espécie está coberta de pêlos, sendo que estes podem causar alergias e representam um risco para a saúde, já que causam irritação na pele que se manifesta através de erupções cutâneas e vermelhidão em várias partes do corpo, que podem durar várias semanas, ou através de irritação nos olhos e problemas respiratórios. 

Os factos que se seguem também contribuem para o efeito causado pela Processionária do Pinheiro: 

Cada Processionária do Pinheiro pode colocar até 200 ovos na copa da árvore. 

As Processionárias fêmeas são capazes de distinguir os tipos de Pinheiros apenas pelo cheiro e aspecto dos mesmos, “decidindo” desta forma, onde colocar os seus ovos. 

Pode-se chegar a encontrar até 2.000 ovos na mesma árvore, que ao eclodir irão dar origem ao mesmo número de lagartas. 

Cada lagarta tem cerca de 1.000 pêlos que podem provocar alergias e até mesmo problemas de asma.

As Traças não representam propriamente um risco para a saúde. São uma Praga maléfica nas Casas pelos danos sérios que as suas larvas causam em vestuário, tecidos, peles, couros, tapetes e carpetes.

Estes danos podem continuar por muitas semanas após a eclosão das lagartas e serem já de dimensão considerável quando forem vistas muitas Traças voadoras. Por isso, é muito importante prevenir as infestações de Traças.

Uma pequena infestação de Traças pode ser tratada com produtos comercias para amadores, mas uma infestação muito implantada requer geralmente assistência profissional.

Sinais da presença de Traças

O primeiro sinal é frequentemente algum dano num tecido, mas normalmente há outros indicadores:

Traças adultas (mais rastejantes do que voadoras);

larvas semelhantes às da Mosca (lagartas de Traça);

tubos ou invólucros sedosos onde as larvas de Traça vivem;

pupas (casulos de seda) onde as larvas se transformem em Traças.

Traça doméstica

As adultas medem entre 8 e 14 mm, são castanhas e têm três ou quatro manchas mais escuras.

As larvas medem até 20 mm, são de cor branco-sujo e têm a cabeça castanha.

As larvas alimentam-se de vários têxteis de origem animal, incluindo lã, peles e penas.

Traça branca doméstica

As adultas medem entre 6 e 10 mm e têm cabeça branca e asas com manchas.

As larvas medem até 12 mm, são brancas-acastanhadas e têm cabeça castanha-avermelhada.

As larvas devoram vários tipos de alimentos. Causam menos danos nos têxteis do que as larvas da Traça da roupa ou da Traça castanha doméstica.

Existem mais de 120 mil espécies de Moscas em todo o mundo. As Moscas são uma praga em todo o sentido da palavra. Elas representam um risco para a saúde dos seres Humanos, animais de estimação e animais de criação. Podem infestar a sua Casa ou Empresa e propagar doenças como, por exemplo, Salmonelose e E. coli. Algumas espécies podem até morder os Humanos e os animais. Se um pequeno problema com Moscas não for controlado existe um grande potencial de se transformar numa grave infestação. Algumas espécies são capazes de amadurecer de ovos para adultos em apenas sete dias.

Nome  
E-mail  
Localidade  
Contacto  
Pragas / Serviços  
Mensagem